Facebook

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

PM fecha o cerco contra posse ilegal de armas e caça predatória na divisa com a Bahia

18 armas foram apreendidas na operação
Após operação nesta quarta (09/08), foram apreendidas 18 armas de fogo e munição nos municípios de São João do Paraíso e Ninheira. A grande operação da PM foi devido às constantes denúncias de caça ilegal e posse irregular de arma de fogo nestes municípios, que ficam no estremo Norte de Minas, divisa com o estado da Bahia.

Foram realizados diversos levantamentos, que culminaram no desencadeamento da operação durante toda esta quarta. Para isso, foram convocadas guarnições de Indaiabira e Taiobeiras, no intuito de reforça a operação.

Foram averiguadas residências rurais onde haviam informações sobre posse irregular de arma de fogo e abordados locais onde se estabeleceriam acampamentos de caçadores. Nas averiguações, foram localizadas um total de 18 armas de fogo, sendo 16 em São João do Paraíso e duas em Ninheira, a maioria espingardas polveiras, mas também foram apreendidas espingarda cartucheira, garrucha e munições.

Conforme a PM, quatro armas estavam em um acampamento de caçadores, outras 14 foram localizadas em residências, sendo que os seus respectivos donos foram devidamente qualificados, poderão responder posteriormente pelo crime de posse irregular de arma de fogo. Mesmo com tantas apreensões, ninguém foi preso, pois os supostos proprietários das armas não foram localizados.

Segundo o Sargento André, Assessor de Comunicação da PM, a expectativa é de que, “com tais ações e operações, se reduzam os crimes relativos à caça ilegal e o uso de arma de fogo na região”. 
Operação contou com 15 policiais de Taiobeiras, Indaiabira, São João do Paraíso e Ninheira

6 comentários:

  1. boa apreensão... unidos assim dá para apreender fuzil tbm que chega com assaltantes que zombam da segurança no Brasil. Eu fico imaginando como foram essas abordagens e entradas nessas casas de muitas pessoas simples...

    ResponderExcluir
  2. Não vai diminuir crime nenhum. Um criminoso sempre irá conseguir uma arma quando quiser. Isso só deixa o trabalhador rural honesto mais desprotegido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra adjetivar ele de honesto, deveria estar com o porte de arma legalizado, não é? Qualquer um, seja bandido ou não, estando de posse de arma sem registro, configura como crime.

      Excluir
  3. Parabens a pm mais uma vez desarmando o homem do campo e deichando os bandido da cidade armados eu tinha vergonha de sair na foto

    ResponderExcluir
  4. Porque eles nao sobem no planalto pra desarmar traficantes com armas pesadas ao inves de ir tomar espingardinhas polveiras do pobre do trabalhador que usa pra se defender dos ladroes nas roças que pegam o povo bate e rouba tudo

    ResponderExcluir
  5. Tomar espingarda de caípira é fácil,quero ver enfrentar bandido que tem de monte na região e desarmalos.uma piada

    ResponderExcluir