Facebook

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Polícia Civil de Salinas encontra carga de geladeiras

Semi-reboque que teve o lacre violado
Ao anoitecer de quarta (27/10), uma equipe da Polícia Civil de Salinas, comandada pelo delegado José Eduardo, localizou, através de denúncia anônima, uma carreta bitrem abandonada às margens do quilômetro 240 da BR-251.

O semi-rebote que teve o lacre violado tem a placa  MKG-2404, de Tijucas, estado de Santa Catarina. Já o outro semi-rebote do bitrem tem a placa MKG-2524. Conforme a Polícia Civil, a carga de geladeira, da marca Brastemp, está avaliada em R$ 800 mil.

Quando os investigadores chegaram ao local, um dos baús do bitrem já estava com o lacre rompido e parte da carga, cerca de 20 geladeiras, havia sido subtraída, mas nenhum autor foi localizado ainda.

O abandono da carreta está sendo investigado pela equipe de Dr. José Eduardo. O motorista da carreta compareceu à Delegacia de Salinas na manhã dessa quinta (27) alegando que o veículo tinha quebrado e ele o deixou às margens da pista, seguindo para Vitória da Conquista em busca de conserto.

A equipe da Civil apura neste momento os nomes dos responsáveis pela carga e aguarda contato e apresentação da documentação.

Conforme Dr. José Eduardo, depois da operação "Ratos de Pista", desencadeada pela Polícia Civil no início de 2016, quando vários ladrões de Curral de Dentro e Santa Cruz de Salinas foram presos, os índices de roubos de cargas na BR-251, trecho que pertence à Comarca de Salinas, diminuíram cerca de 95%.
Carreta bitrem estava abandonada com carga avaliada em R$ 800 mil

6 comentários:

  1. Quando fala de eletrodomésticos roubados em Salinas lembra quem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem tá quebrando e vendendo tudo, e ainda vai sair preso.

      Excluir
  2. se quiser pegar o mandante é só investigar a fortuna de alguns lojistas

    ResponderExcluir
  3. Pena que já estão todos soltos (ladrões de carga).
    Um enxuga gelo total.
    Deve ter peixe grande envolvido porque os ladrões não iam sair de porta em porta vendendo essas geladeiras...
    Confiar na justiça divina pq essa da terra está com os olhos vendados para o crime e para a população.

    ResponderExcluir
  4. Se eles tivessem enterece de pegar essa cambada de vagabundos ja teria pegado e so chama a polícia Federal rapidinho pega os ratos grande. N adianta pegar os pequenos e deixar os mandantes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deixa de falar abobrinha, PF não investiga qualquer crime. E outra, vai aprender português!

      Excluir