Facebook

terça-feira, 21 de junho de 2016

Multidão declara apoio à Polícia Militar de São João

Moradores de São João foram às ruas demonstrar revolta com a prisão dos militares
Na tarde do dia 20 de junho, uma multidão fez um inédito protesto na principal Avenida de São João do Paraíso. Crianças, jovens e adultos declararam total apoio aos policiais militares Tenente Mota e Soldado Rodrigues, que foram presos após troca de tiros com um suspeito de cometer assalto a uma mercearia.

A manifestação foi convocada no último dia 16 pelas redes sociais e rapidamente obteve a adesão da população paraisense, principalmente de comerciantes, que resolveram fechar as portas em sinal de protesto. O movimento também teve a adesão de professores, alunos e grupos de jovens, políticos e religiosos.

No carro de som, os organizadores deixaram claro o apoio da sociedade à ação dos militares, que arriscam suas vidas na tentativa de manter a paz.

O caso – No último dia 11 de junho três jovens de Taiobeiras foram à São João do Paraíso e cometeram um assalto à mão armada em uma mercearia da Rua Joaquim Antonio Ribeiro, no bairro Morada do Sol. Os bandidos levaram dinheiro e dois telefones celulares das vítimas. Na fuga, os autores capotaram o veículo, fato que facilitou a identificação do bando.

Com isso, os militares de São João conseguiram prender quatro integrantes da quadrilha, restando apenas Leandro Gomes dos Santos, de 23 anos, que ao ser abordado, teria efetuado disparos contra os militares e acabou sendo baleado na cabeça.

Por isso, os militares foram presos no Batalhão de Montes Claros e aguardam decisão da Justiça, fato que revoltou os paraisenses.

9 comentários:

  1. A população de São João do Paraíso-MG está de parabéns pela mobilização em favor da Polícia Militar e da Paz. Grande exemplo a ser seguido por outros municípios da região que não aguentam mais tanta violência ..

    ResponderExcluir
  2. A população de São João do Paraíso-MG está de parabéns pela mobilização em favor da Polícia Militar e da Paz. Grande exemplo a ser seguido por outros municípios da região que não aguentam mais tanta violência ..

    ResponderExcluir
  3. Parabéns ao Mineiros, com essa demonstração a favor do bem Minas não virará uma zona de guerra como é o Rio de Janeiro e São Paulo.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns ao Mineiros pela mobilização em favor do bem. Só com a ajuda do povo de bem para os policiais terem força pra trabalhar. Desta feita São João não virará uma cidade de guerra como é São Paulo e Rio de Janeiro.

    ResponderExcluir
  5. a policia militar esta de parabèns por arrisca suas vidas para proteger a população, bandidos tem que acaba que anda aterrorizando a populaçâo

    ResponderExcluir
  6. Parabéns população Paraisense e pessoas que aderiram a manifestação. Parabéns o jornal Folha Regional, na pessoa do seu diretor, que aderiu e brilhantemente deu total cobertura na divulgação do evento.

    ResponderExcluir
  7. multidão? kkkkk amigos todos sabem oque aconteceu a policia não cometeu nenhum ato Heróico, mataram um bandido sim mas em uma embruscada em um ato covarde, e a multidão que o jornal diz esta apoiando a policia são apenas criança porque soltaram a escola no horario da passeata, portanto eu apoio os policiais ficarem presos, eles agiram errado e a lei é para todos. se a policia trabalhar direito eles terao meu apoio, mas deixam muito a desejar esse ato de tentar convencer a justiça de que a policia é do bem nao cola, a policia militar de minas é despreparada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai para o Rio e veja o que é uma polícia despreparada. Mas certamente deve ser mais um BANDIDO que adora meter o pau na polícia adepto do quanto pior melhor. Eu queria ver se não fosse a PM aqui o que seria? Vc já parou para pensar? Sabemos que a polícia precisa melhorar muito. Alias, não só a polícia, como a política, a saúde, a educação, a morosidade do judiciário, etc.
      Não vou entrar no mérito se errou ou não, mas já pensou se toda vez que um paciente morresse no hospital fazendo uma cirurgia ou simplesmente aguardando atendimento, o médico de plantão fosse preso em flagrante e permanecesse nessa situação até a produção das provas?
      Estamos no Brasil onde toda a culpa da ineficiência governamental é creditada à Polícia e enquanto isso ladrões de carga e receptadores estão por aí, soltos, fazendo novas vítimas a cada dia e verdadeiros trabalhadores estão presos.

      Excluir
    2. E tem mais, não foi uma grande massa como dizem, pelas fotos dá pra se notar que foi na saída da aula; Apoio esta ação dos militares sim, mas tem que se questionar, qual o porquê não houve manifestação quando ASSASSINARAM na rua Padre Luiz Felix, um homém com problemas mentais? E o policial em questão esta "trabalhando" normalmente? Ou porque não tem manifestação quando uma guarnição esta com a viatura parada frente aos "BUTECOS" da cidade com os "PULIÇA" consumindo sei lá o quê? Certo é pau que bate em Chico não está batendo em Francisco, porquê? Ou o interior dos "BUTECOS" tem prioridade de segurança?

      Excluir